Escrever um bom conteúdo é uma escolha. Você pode escolher investir tempo e energia em um conteúdo que realmente faça a diferença para a sua empresa, ou pode escolher o caminho mais fácil e escrever um conteúdo pobre, meia boca – o que não irá leva-lo a lugar nenhum. Essa opção só resulta em tempo, energia e recursos perdidos.

O caminho do marketing de conteúdo é claro. Para elevar o ranking nos buscadores, melhorar o SEO, gerar tráfego e leads você precisa desenvolver conteúdo de qualidade para o seu site ou blog.

Se você escreve um conteúdo original, os buscadores vão ajudar a sua empresa a ganhar mais exposição. O Google já definiu que irá penalizar sites com conteúdo duplicados (em inglês). Em contrapartida, um dos itens de avaliação do Google para melhorar o ranking de um site é se existe conteúdo original e isso pode sim causar impacto positivo nos seus negócios.

Não importa se o site é pessoal ou profissional, o importante é fazer a coisa certa. Nesse post vamos abordar os ingredientes essenciais para um bom texto que gera resultado.

Primeiro, vamos ver quais são estes ingredientes indispensáveis e depois veremos alguns exemplos de sites com bons conteúdo.

1. Crie conteúdo original

Como mencionado, um bom conteúdo traz vida ao seu site. Copiar o conteúdo de outros pode resultar na punição do Google.
Ser original significa criar algo originalmente. As suas ideias precisam ser originais. Repetir o mesmo que todo mundo fala não é original. Se o conteúdo for plágio ninguém irá se interessar, e ninguém irá linkar – o que já é um tiro no pé.

Precisamos eliminar a mentalidade de alguns profissionais de marketing têm quando pensam em desenvolver um conteúdo de qualidade:
Ah, então precisamos criar muitos conteúdos, certo? Como posso fazer isso de maneira rápida e a um custo zero?
Podemos criar um robô que combina palavras só para os robôs do Google enxergarem!
Vamos terceirizar esse serviço com algum freelancer baratinho
Vamos separar alguns artigos, pedir permissão e repostar, fácil e rápido!

Pare de pensar de maneira medíocre

Lembre-se destas regras de ouro:
1. Você recebe por aquilo que pagou
2. Se não tiver nada interessante pra dizer, é melhor não dizer

Essas duas regras simples já podem colocar você no lugar correto para desenvolver conteúdo de qualidade para os tempos vindouros da sua empresa na internet. E valem para tudo na vida!

 

2. Títulos poderosos

Um título atraente já pode cativar o leitor e incentivar a leitura de acordo com esse post do Marketing de Conteúdo

80% dos leitores vão ler o seu título
20% destas pessoas vão ler o seu conteúdo

O título é tão importante quanto o post em sí.

Vamos ver nos posts mais lidos de 2016 de alguns sites:

Companhia aérea oferece viagem grátis – se todos os passageiros decidirem pelo mesmo destino 😉

Viagem grátis? Opa, eu quero! O título chama muito a atenção. Esse título é provocativo e mexe conosco. É tão poderoso que nos convida para a leitura do post.

 

‘Hacker’ aos 6: menina desbloqueia iPhone da mãe e gasta US$ 250 em Pokémon

Que o Pokémon é um sucesso ninguém discorda, porém uma garota de apenas 6 anos desbloqueou o celular da mãe e gastou $ 250 em itens do Pokémon em uma loja virtual – isso não vemos todos os dias. Veja o post original aqui.

 

53 dicas para organizar o guarda-roupas que vão mudar a sua vida para sempre

Nenhum suéter, sapato ou calças jeans fora do lugar.

Títulos com números funcionam muito bem. Eles sustentam o que queremos dizer, dão uma medida à informação. Sem dúvida, amamos listas! Veja o post original aqui.

 

10 things I learned making the fastest site in the world

Esse título (10 coisas que aprendi fazendo o site mais rápido do mundo) é poderoso porque chama a atenção para descobertas feita pelo escritor para algo extraordinário – fazer o site mais rápido do mundo.

 

3. Faça o conteúdo gerar uma ação

Qual foi o último post no blog que você escreveu? Ele deu alguma dica ou pode ajudar o leitor em algo acionável?

O Noob Guide to Online Marketing do Unbounce pode ser um excelente exemplo de um conteúdo de ativação.

O melhor conteúdo dá ao leitor a sensação de como aplicar a informação. Isso não quer dizer que é para trata-los como incompetentes, mas o seu post deve oferecer dicas, exemplos de aplicações naquilo que você se propõe a passar. Às vezes, um tópico bem escrito já desperta faíscas na mente do leitor.

Por que as pessoas leem livros de autoajuda? Para aprender e se tornarem melhor. Ajude os seus usuários a melhorarem também!

 

4. Esteja pronto a dar respostas

Qual é o objetivo de procurar algo no Google? Obter respostas! Digite algo no Google e irá aparecer uma infinidade de informações como imagens, links e vídeos.

Quando as pessoas usam os buscadores, elas procuram por uma resposta e o trabalho deles é entregar as respostas disponíveis.

O mesmo acontece quando as pessoas estão lendo um post no blog, assistindo a um vídeo, ouvindo um podcast, vendo um infográfico. As pessoas estão procurando informações que respondam às suas dúvidas e acrescente informação.

As pessoas não querem somente respostas, elas querem respostas rápidas.

Faça com que o seu conteúdo seja fácil de ser percebido, entendido e digerido.

Veja os títulos e subtítulos de livros de autoajuda. Ultimamente eles colocam uma questão ou um senso de curiosidade. O trabalho do autor é entregar respostas e informações que sustentem a proposta da publicação.

 

5 . Esteja atento às informações

Imagine esse cenário: você escreve um artigo para o blog de uma empresa, para que centenas ou milhares de pessoas possam ler, algumas informações que você colocou ali não fazem sentido ou não foram verificadas. Têm ideia do tamanho do estrago que isso pode causar? A reputação e a imagem que esta empresa estará arranhada. O blog é o reflexo da sua empresa. Qualquer informação que ali estiver poderá impactar como as pessoas veem a sua empresa.

Verifique a fonte das informações, em alguns casos é importante incluir o link.

James Frey, um escritor americano que causou grande escândalo ao publicar uma falsa biografia teve a sua imagem arranhada. Ele teve que ir ao programada da Oprah Winfrey e admitir a grave falha no livro A Million Little Pieces.

Aqui no Brasil temos o caso do Catraca Livre, que durante o acidente da Chapecoense escorregou nas publicações sugeridas aos leitores

catraca_livre_fail_chapeco

Zebeleo também causou na internet. Uma proposta mal elaborada e postada virou piada nas redes sociais e acabou com o projeto.

zebeleo_fail_oesp

Um dos casos que mais chocaram o setor automotivo foi a fraude da Volkswagen. A montadora teve que admitir que 11 milhões de carros tinham software que fraudavam testes

volks_fail_teste_titulo

Algumas dicas:

  • Considere quem você está linkando. É confiável e é uma autoridade no assunto? Links para outros websites podem gerar confiança dos seus leitores.
  • Linkar a mais conteúdo só ajuda. Quanto mais links para assuntos passados no seu próprio blog ajuda a ganhar expressão pelos leitores
  • Ajude os buscadores. Linkar para conteúdos externos e internos ajuda os buscadores que vão entender sobre o que é o seu post e caracterizar o seu conteúdo de maneira eficaz

 

6 . Crie engajamento através de conteúdo provocante

hands-people-woman-meeting

Uma audiência engajada está atenta a cada palavra que você publica ou fala. Mas a única maneira de obter uma audiência engajada é criar um conteúdo que os provoque. Isso começa com o que você escreve. Aqui estão algumas dicas que vão ajudar a criar um conteúdo provocante:

  • Deixe perguntas para os leitores. Isso não significa ter um post incompleto, mas deixe perguntas que os façam refletir em como aplicar o conteúdo publicado por você.
  • Tenha uma introdução matadora. As pessoas são rápidas em fazerem julgamentos sobre um assunto no blog, certo? Algumas delas fazem esse julgamento logo nas linhas iniciais. Diga aos seus leitores sobre o que eles devem se preocupar e o que será discutido no post. Faça eles continuarem a leitura.
  • As pessoas amam histórias. Use uma anedota, uma passagem para introduzir o seu texto. Histórias ajudam a clarear um ponto. Sempre que possível, coloque uma história nos seus textos. Isso fará o seu texto mais atraente, engajado e ajuda os leitores a entender melhor.

 Se o seu post gerar uma faísca para os comentários, os buscadores irão entender que a sua publicação é importante e está sendo atualizada continuamente. Um ótimo motivo para eles apontarem o seu site nas buscas!

 

7 . Comunique melhor adicionando imagens e vídeos

Você já sabe que as pessoas aprendem de maneira diferente. Algumas pessoas aprendem melhor de maneira visual, vendo um vídeo ou um infográfico. Outras aprendem melhor ouvindo. Somos diferentes, mas ninguém aprende menos através de recursos visuais. Use diagramas, imagens, vídeos, infográficos para ilustrar melhor algum ponto do post.

Adicione imagens que gerem valor. E pelo amor de Deus, não encha o post com sua biblioteca de imagens.

 

8 . Escreve conteúdos curtos e pontuais

A melhor lição na arte de escrever é eliminar o que não serve. Exige esforço e é desafiador, mas deixa o post muito mais eficaz.

Esqueça a contagem de palavras. Um post longo não significa necessariamente um bom post. E manter um post curto é um desafio e leva mais tempo para ajustar.

Para mais informações sobre a contagem de palavras, veja este post da Hubspot

 

9 . Atualize os seus posts

Escrever em um blog ou site é compromisso. Se você incluir alguns posts e o abandonar não terá muitas visitas. Além disso, os buscadores não favorecem sites que não são atualizados regularmente.

Se você tem um site ou um blog, precisa atualizar regularmente com conteúdo de qualidade.

De acordo com o infográfico do estudo Science of Social Timing do Kiss Metrics, sites que são atualizados recebem mais visitantes.

Quantas vezes o seu site deve ser atualizado? Você é quem decide. Existem diferentes prioridades e pessoas disponíveis de empresa para empresa. O ideal seria atualizar duas vezes por semana, mas não se limite a esta métrica. O importante é manter atualizado com conteúdo novo.

Alguns pontos sobre atualização:

Não trate o blog da sua empresa com conteúdo superficial. É difícil, leva tempo e energia para pesquisar e escrever bons posts. O título ideal, a gramática, organização devem ser levados em conta. Quando você reler o seu post, faça estas perguntas:

  • Têm alguma palavra que posso tirar?
  • Ofereci o melhor conteúdo aos meus leitores?
  • Está completo ou concluído?