Assim como ocorreu o eclipse total, um fenômeno natural onde a lua se posiciona entra o sol a e a Terra, muitas vezes as empresas sofrem com uma espécie de eclipse total, sendo obstruídas por elementos que não permitem ser reconhecida de maneira adequada pelo seu público-alvo. Eu chamo isso de Eclipse da Marca.

Nesta semana vimos o primeiro eclipse solar total que cruzou os Estados Unidos. Um fenômeno que ocorre a cada 99 anos e o primeiro na era da hiper conectada. Uma sombra se arrastou e criou um verdadeiro espetáculo com milhões de espectadores em todo o mundo. Pessoas se programaram, se deslocaram de suas casas para verem o eclipse e nós aqui do Brasil pudemos visualizar (em alguns lugares parcialmente) através dos milhares streamings em tempo real, inclusive da NASA.

Uma marca abandonada.
O fato da sua marca estar estampada no seu material promocional, na sua papelaria, no seu site, no Facebook, na fachada da sua loja ou no cartão de visita não é suficiente para entregar valor e brilhar no mercado.
Isso é apenas uma parte da sua marca. É a parte visual que chega os nossos olhos.

Uma marca de sucesso, que brilha e não é obscurecida é uma marca que chegou ao coração das pessoas. Isso é o que Kotler prega em seu livro Marketing 3.0 lançado a 7 anos atrás. E nesse quesito as experiências contam, e muito para a construção desta marca.

Infelizmente muitas empresas do setor de saúde que não pensam desta maneira. Se posicionam como uma empresa humana, que dialoga com as pessoas, mas na prática não chegam nem perto disso.

As marcas que se propõem a chegar ao coração e criar impacto nos pacientes trabalham de maneira organizada, planejada e sempre buscam melhorar os processos, produtos ou serviços (no pronto de vista do consumidor, sempre).
Essa é a diferença que mantêm marcas sólidas por muitos anos.

 

Como a sua marca está conectada com o seu público?
Que tipo de experiência você têm desenvolvido para aqueles que tem um contato real (e virtual) com a sua empresa?
Marcas que brilham não se limitam em dizer através da campanha de marketing nas redes sociais ou na revista semanal, elas falam através dos funcionários, dos fornecedores, dos clientes, dos parceiros de negócio. Onde ela estiver, terá importância e será vista não como mais uma (e talvez substituível) mas como aquela que faz sentido manter contato pois agrega, facilita, se preocupa e gera resultado.

Como a sua marca está conectada com o seu cliente é fundamental para construir uma relação sólida, duradoura e que brilha em todos os pontos de contato.

 

Alguns fatores que geram um eclipse total da marca:

1. Discurso x Entrega
Você entrega o que promete ao cliente?
As pessoas têm o poder da comunicação na palma da mão. Se a empresa não cumpre o que prometeu, com certeza verá a fúria destes clientes propagada nas redes sociais. Uma das causas mais comuns no eclipse de uma marca.

2. Qualidade
Qual é o nível de serviço ou produto que a sua empresa oferece?
Se um concorrente consegue entregar o mesmo produto, com a mesma qualidade, qual será o seu diferencial?

3. Fácil de encontrar
Você está disponível ou é um pesadelo para entrar em contato com a sua empresa?
Você não precisa estar em todos os lugares, precisa estar onde o seu cliente está. Esteja pronto para canais digitais e físicos, sempre aplicando os valores defendidos pela empresa.

4. Você desafia o status quo?
Se manter na mesmice é sinal de que um eclipse está chegando. Quais as inovações a sua empresa têm observado e investido?
Procure entender o seu cliente e desafie-se a resolver o problema dele de maneira diferente, rápida e consistente. Envolva e desafie a equipe e entregar mais resultado com recursos escassos, é nessa hora onde a criatividade aparece.

 

A sua marca está um pouco apagada? Precisa encontrar novos clientes e expandir os negócios?
Entre em contato conosco: ola@conectivo.com.br

 

Similar Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.