O que diferencia a sua empresa do concorrente?
O que diferencia a sua solução de outras similares no mercado?
Esta pode ser a pergunta que muitos gestores fazem todos os dias, e muitas vezes não sabem a resposta.

O consumidor (hoje muito mais exigente) busca soluções que possam realmente suprir as suas necessidades, e na área da saúde essa escolha é muito mais sensível pois precisa atender a uma série de critérios que podem até colocar em risco a sua vida ou da sua família.

Mas o que ele encontra, é muito igual.

Você e os seus concorrentes investem nos mesmos equipamentos, no mesmo tipo de treinamento, nas mesmas cores do logotipo, até copiam o layout do site e redes sociais. Onde fica a diferenciação? Porque o paciente deve procurar você e não o seu concorrente?

A diferenciação torna-se vital para o sucesso do seu negócio.

De acordo com o dicionário:
diferenciação
substantivo feminino

  1. ato ou efeito de diferençar(-se); discriminação, discernimento.
  2. intensificação da complexidade na organização de um sistema.

A diferenciação define como você oferece um serviço de valor superior aos seus consumidores a um determinado preço, criando um cenário de ganha-ganha que aumenta o lucro e a viabilidade do seu negócio.

Para as empresas do setor de saúde como clínicas e hospitais, a diferenciação já é um fator competitivo. Os estudos de marketing apontam 6 caminhos que as empresas podem investir para a diferenciação: relacionamento, produto, serviço, canal de distribuição, imagem/reputação e preço. Algumas exploram mais de uma área, outras procuram a excelência em apenas uma delas.

Seja qual for o caminho escolhido para a sua empresa se diferenciar no mercado e se tornar competitiva, as 3 etapas a seguir devem ser consideradas:

1. Escolha os seus valores e seja melhor do que os seus concorrentes.

Você precisa ser melhor em algo, isso é fato. Muito mais do que uma função, serviço ou produto você deve escolher os valores que a sua empresa representa e reforça-los. Hoje muitas pessoas atrelam significados/qualificações às marcas de acordo com aquilo que elas acreditam e fazem.

Marcas como Patagônia e Timberland, por exemplo, têm explorado na sua comunicação o compromisso que têm com o planeta. Estas marcas mostram qual é a relação que tem nesta causa através da  utilização de materiais reciclados, descarte, parcerias com fornecedores locais, até a maneira como os lucros são divididos.

As pessoas se tornam fãs e advogados da marca pelo propósito e valores que ela defende.

Seja qual for o valor que a sua empresa defende, deixe claro e busque ser o melhor. O reconhecimento e consequentemente os resultados virão.

Leia Cuidado! A sua marca pode passar por um eclipse.

2. Inove, sempre.

Muitas empresas acabam caindo na armadilha do próprio sucesso e ficam estagnadas.

Um conquista não pode significar o fim, mas sim o começo de uma nova trajetória. Você precisa investir em inovação. Não pare de inovar, de melhorar, de propor algo novo, de facilitar ainda mais a vida do seu consumidor.

As empresas que promovem a melhoria contínua conseguem se destacar das demais, e podem cobrar por isso.

Ao contrário do que muita gente pensa, inovar não é implementar soluções tecnológicas, isso pode sim fazer parte da inovação, mas a inovação vêm da observação e melhoria de algum processo, produto ou serviço.

Desenvolva uma mentalidade de melhoria contínua em todos os departamentos da sua clínica. Você pode se surpreender com a simplicidade de algumas idéias que podem poupar muito dinheiro e entregar uma experiência agradável ao paciente.

3. Tenha paciência.

A diferenciação não acontece do dia para a noite. Diversos fatores influenciam os itens mencionados acima e por isso precisam ser cuidadosamente acompanhados e mensurados. Não caia na tentação de tornar a sua empresa inovadora em pouco tempo. Isso exige um entendimento profundo do seu negócio, do seu cliente, de processos e pessoas.

A diferenciação não é uma corrida de 100m, é uma maratona.

Trabalhe com a sua equipe, estabeleça um bom plano de comunicação para sustentar e promover estas mudanças para o público interno e externo. Alinhe todas as ações e estabeleça prazos para cada etapa. As coisas nem sempre saem 100% como planejados, por isso é importante ter paciência e flexibilidade para alterações pontuais na jornada.

 

E você? Como tem planejado e desenvolvido a diferenciação na sua empresa?
Precisa de um novo parceiro para as estratégias de marketing digital?
Fale com a Conectivo!